sexta-feira, junho 02, 2006

"Charco"

"Tenho ideias que não tenho, sentimentos que não sinto
Sou imagem de outra imagem que se fez não sei de quê
Procurando a minha rota, descobrindo o que não minto
E o que minto atiro fora para nascer outra vez..."
(Mafalda Veiga)

2 Comments:

Blogger vanutte said...

Coisa Amar

Contar-te longamente as perigosas
coisas do mar. Contar-te o amor ardente
e as ilhas que só há no verbo amar.
Contar-te longamente longamente.

Amor ardente. Amor ardente. E mar.
Contar-te longamente as misteriosas
maravilhas do verbo navegar.
E mar. Amar: as coisas perigosas.

Contar-te longamente que já foi
num tempo doce coisa amar. E mar.
Contar-te longamente como doi

desembarcar nas ilhas misteriosas.
Contar-te o mar ardente e o verbo amar.
E longamente as coisas perigosas.

Manuel Alegre


*******

segunda jun 05, 05:43:00 da tarde WEST  
Blogger vanutte said...

é sempre um enorme prazer "visitar-te", ler-te.

beijhinho.da-me noticias

segunda jun 05, 05:48:00 da tarde WEST  

Enviar um comentário

<< Home